Bruce Lee: A Lenda (TV)

1.0 2.0 3.0 4.0 5.0 Muito Bom

Informações

Títulos Li Xiao Long chuan qi
The legend of Bruce Lee
Ano 2008
Estúdio CCTV
Diretor Shannon Lee
País China
Episódios 50
Duração 45 min
Gênero Artes Marciais, Drama, Luta
Palavras-chave bruce lee, kung fu

Em 2008, a China nos presenteou com uma série televisiva de 50 episódios de 45 minutos cada, contando toda a tragetória do grande mestre das artes marciais, Li Xiao Long, mais conhecido no ocidente por Bruce Lee.

Atenção, como se trata de uma história biográfica já famosa, essa resenha está repleta de spoilers, portanto, se pretender assistir, leia por sua conta e risco... ^__^

A série conta sua vida desde a época colegial, quando tinha como principal passa-tempo a dança, mais especificamente o chá-chá-chá, e depois veio a se interessar por artes marciais, iniciando seu treinamento com seu tio, que depois o apresentou ao mestre Yip Man, o famoso mestre chinês do estilo Wing Chun. Durante seus treinos, Bruce Lee mostrou ter uma enorme facilidade de aprendizado, e, perfeccionista em tudo que fez na vida, rapidamente conseguia executar os movimentos ensinados por seu mestre, ultrapassando em pouco tempo os alunos mais antigos.

Em paralelo ao kung fu, Bruce também treinou Boxe ocidental, vencendo o então campeão numa luta em Hong Kong, e se utilizando de seus conhecimentos do Wing Chun para alcançar golpes mais potentes.

Devido a confusões envolvendo uma gangue perigosa de Hong Kong, os pais de Bruce decidiram enviá-lo a contra-gosto para estudar nos Estados Unidos. Lá, trabalhou em restaurante, e também entregando jornais. Conseguiu ir para a Universidade e, com ajuda de um de seus professores, se interessou pelos estudos de filosofia, focando nas filosofias chinesas e a ligação delas com o Kung Fu, mostrando-se um gênio, ao contrário do que aparentava no colegial, que não tinha o menor interesse nos estudos.

Continuou treinando kung fu, e passou a dar aula para colegas de turma, e a desafiar mestres de Caratê e outras artes marciais, que já era bem popular nos Estados Unidos, enquanto o Kung Fu era totalmente desconhecido. Venceu vários, até que resolveu abrir sua própria academia, com ajuda e incentivo de Kimura, um dos mestres que derrotou e que veio a se tornar um grande amigo por toda a vida.

Bruce não se dava por satisfeito, queria aprender mais sobre as outras artes e melhorar suas habilidades, e acabou criando seu próprio estilo, eliminando o que julgava ser inútil do Wing Chun, e adicionando técnicas das outras artes que ia aprendendo ao desafiar os grandes mestres. Sempre que os desafiava exigia que se vencesse deveriam ensinar um ao outro suas técnicas. Nem sempre vencia, mas quando perdia, aprendia com a luta e voltava a desafiá-los e vencia, e acabou ganhando muitos inimigos que o julgavam arrogante, mas também muitos admiradores. Acho que podemos dizer que Bruce Lee foi o primeiro lutador de MMA. ^__^.

Acabou denominando seu estilo como Jeet Kune Do. Porém, o fato de estar ensinando as técnicas do Kung Fu aos ocidentais, e até a japoneses, enfureceu os mestres chineses, pois esses se recusavam a ensinar àqueles que não fossem chineses, o que trouxe mais problemas para Bruce, que defendeu seus interesses alegando que o Kung Fu só poderia evoluir se fosse espalhado pelo mundo, como o Caratê e o Judô foram, mas mesmo assim precisou aceitar um desafio para defender sua teoria.

Após vencer um campeonato de Caratê em Oakland, Bruce chamou atenção de cineastas que sentiam que Holywood precisava de um novo estilo de filmes, e o chamaram. Porém o preconceito com orientais nos Estados Unidos era ainda maior naquela época, o que criou muitas dificuldades. Bruce participou como coadjuvante em uma série de TV, chamada "O besouro verde", e acabou se tornando mais querido pelos fãs da série do que o próprio protagonista. Ainda assim não conseguiu um filme em que protagonizasse, e acabou voltando para Hong Kong, onde gravou seu primeiro filme como protagonista "O dragão chinês". Usando de seus conhecimentos sobre Holywood, Bruce inseriu elementos que aprendeu e trouxe para o até então fraco cinema chinês, atuando junto ao diretor para tornar o filme aceitável aos padrões ocidentais. O filme foi um sucesso, e definiu um novo gênero para o cinema. A partir daí, gravou outros filmes, e alcançou Holywood com o filme "Operação Dragão".

Uma coisa bastante impressionante sobre sua história é como ele se recuperava de lesões graves que sofria. Os médicos diziam não compreender como ele poderia não ter praticamente nenhuma gordura no corpo, e diziam ser milagrosas suas recuperações, muitas vezes sem explicação lógica para a medicina da época.

Muitos personagens foram de fundamental importância na história de Bruce Lee. Uma das principais foi sua esposa americana Linda Lee, com quem teve dois filhos, Brandon Lee, e Shannon Lee. Linda sempre o apoiou em todas as suas decisões, e esteve presente nos momentos difíceis. E seus amigos Kimura seu dicípulo, o tio James que o iniciou no Kung Fu e o ajudou nos EUA, o mestre Ino, estudioso das artes marciais que sempre o orientava antes das lutas e várias outras figuras que estão representadas nesta série incrível.

A série é bem produzida, e os atores não fazem feio. O ator Kwok-Kwan Chan, convence como Bruce Lee, e ficou bem parecido com ele, e a bela Michelle Lang está realmente linda como Linda Lee (não repare o trocadilho... hehehe). As músicas não são muito boas, e, sinceramente, eu sempre adiantava a abertura e cortava o encerramento, mas não comprometem em nada.

Uma pergunta fica no ar: até onde podemos considerar esta uma série confiável em termos de veracidade histórica? Bom... existe um detalhe sobre a série que nos ajuda a acreditar que no mínimo muita coisa foi respeitada: sua filha Shannon Lee está envolvida na produção e direção. Acredito que ela não ia deixar os produtores distorcerem muito a história, né.... :D

Só posso dizer mais uma coisa sobre esta série: Assistam! Vale a pena, e ao terminar, você vai querer ver ou rever todos os filmes de Bruce Lee, e perceber os detalhes de cada filme que são explicados durante a série, pois para cada um Bruce tinha um objetivo, e isso é dito na série, o que torna uma experiência nova assistí-los com essas informações em mente.

Jaime Neto
>

Deprecated: iconv_set_encoding(): Use of iconv.internal_encoding is deprecated in /home/animebook/animebook.com.br/library/Zend/Locale/Format.php on line 784

Deprecated: iconv_set_encoding(): Use of iconv.internal_encoding is deprecated in /home/animebook/animebook.com.br/library/Zend/Locale/Format.php on line 1050